29/09/10

Quando o problema são elas

E quando são elas que não querem? Sim! Também acontece elas não se sentirem bem com essa invasão. Certo dia, cheio de confiança e elixir de menta, convidei-a a minha casa, ao meu quarto, à minha cama! Já cheios de calor, desci dois andares no corpo dela quando senti o elevador a parar de repente. Pegou na minha cabeça e afastou-a da porta.

Sinais estranhos e confusos, os que recebi. Ainda tentei de novo, sem sucesso e com a mesma resposta.

Não nos baralhem, por favor!

3 comentários:

sacana disse...

às vezes, a mulher pode não se sentir à vontade com alguma coisa por qualquer razão. pode durar apenas um momento ou mais do que isso.
acima de tudo é preciso paciência, compreensão e respeito pelas vontades de cada um(a).

T disse...

Pode ser que isto traga alguma luz ao assunto http://collegecandy.com/2009/06/18/why-i-dont-speak-cunnilingus/

Mas concordo no geral com o sacana. Apesar de nós apoiarmos o movimento não o queremos fazer de forma a quebrar o à vontade de ninguém. Pode ser que a rapariga tenha problemas de auto-confiança em relação a essa parte do corpo, nada melhor do que falar com ela sobre isso e assegurá-la que é algo que gostarias de fazer e que não é nada com o qual se tem de perguntar.

mariana, a miserável disse...

ai que homens sensíveis! que lindo de se ver